Jogando D&D 5ª edição sem classes

Inspirado por esse vídeo, eu criei regras simples para se jogar a 5ª edição de D&D sem classes. Clique aqui para baixar o .pdf do Scroll of the Adventurer, ou só continue lendo esse post!

 


 

These short rules offer a simple way to play D&D without classes, in a way that makes adventurers easier to create and understand, and that also makes the adventures more dangerous and challenging.

The Player’s Handbook is necessary to use this supplement; the Dungeon Masters Guide, the Xanathar’s Guide to Everything and the Elemental Evil Player’s Companion are optional.

 

Character Creation

To create a player character, follow the steps below:

  1. Choose a Race: pick any race.
  2. “Choose” the Adventurer “Class”: this is the only option you have anyway.
  3. Determine Ability Scores: we advise the use of non-random methods, but as usual your DM has the final word on this.
  4. Describe your Character: pick any background; background customization and creation are highly incentivized; also notice that you do not get the background’s starting equipment.
  5. Choose Equipment: every player character has a starting wealth of 4d4 x 10 gp (or 100 gp) and a random trinket.

 

The Adventurer “Class”

Every player character belongs to the same “class”: The Adventurer.

Note: it is NOT the intent of this “class” to be balanced with the official classes; because of that, the DM will have to rethink the balance of encounters.

 

Class Features

As an adventurer, you gain the following class features.

 

HIT POINTS

Hit Dice: 1d8 per level.

Hit Points at 1st Level: 8 + your Constitution Modifier.

Hit Points at Higher Levels: 1d8 (or 5) + your Constitution modifier per level after 1st.

 

PROFICIENCIES

Armor: Light Armor.

Weapons: Simple Weapons.

Tools: none.

Saving Throws: choose two.

Skills: choose four.

 

EQUIPMENT

This “class” does not offer starting equipment options.

 

THE ADVENTURER

Level Proficiency Bonus Improvement Points
1st +2 +1 (1)
2nd +2 +1 (2)
3rd +2 +1 (3)
4th +2 +1 (4)
5th +3 +1 (5)
6th +3 +1 (6)
7th +3 +1 (7)
8th +3 +1 (8)
9th +4 +1 (9)
10th +4 +1 (10)
11th +4 +1 (11)
12th +4 +1 (12)
13th +5 +1 (13)
14th +5 +1 (14)
15th +5 +1 (15)
16th +5 +1 (16)
17th +6 +1 (17)
18th +6 +1 (18)
19th +6 +1 (19)
20th +6 +1 (20)
21st +7 +3 (23)
22nd +7 +3 (26)
23rd +7 +3 (29)
24th +7 +3 (32)
25th +8 +3 (35)

 

IPROVEMENT POINTS

As an adventurer, you have with 1 Improvement Point at level 1. You get more IPs as you level up.

IPs have to be spent on features; they may be stored to be spent later.

You can spend 1 IP to increase one ability score of your choice by 1; you can’t increase an ability score above 20 using this feature.

You can spend 2 IPs to purchase a feat.

Starting at 21st level, you can spend 3 IPs to purchase an epic boon.

 

Feats

Feats (found in the Player’s Handbook, pages 165 to 170, and in the Xanathar’s Guide to Everything, pages 73 to 75) play a key role in the creation of an Adventurer.

We do not have the intention of creating lots of new feats; however, we find the need to create new feats for spellcasting Adventurers.

 

MAGIC ADEPT

Prerequisites: 3rd level, Magic Initiate Feat

Choose one 1st-level spell and one 2nd-level spell from the same list you chose on the Magic Initiate feat. You learn that spells and can cast them at their lowest levels. Once you cast one of them, you must finish a long rest before you can cast it again.

 

MAGIC MASTER

Prerequisites: 5th level, Magic Adept Feat

Choose one 1st-level spell, one 2nd-level spell and one 3rd-level spell from the same list you chose on the Magic Initiate feat. You learn that spells and can cast them at their lowest levels. Once you cast one of them, you must finish a long rest before you can cast it again.

 

Epic Boons

Epic boons (found in the Dungeon Masters Guide, pages 231 to 232) are a very interesting addition to the features that high-level Adventurers might get.

The DM may consider lowering the level requisite to acquire an epic boon, say from 21st to 17th, but keeping the IP gain as it is.

That said, we advise the use of alternative evolution systems, aside of Experience Points, for a faster evolution.

 

Ritual Spells

The Ritual Caster feat is a bit underpowered due to the very restrict selection of spells with the ritual tag. Thus, we list below the spells already with the ritual tag, and those, marked with a *, to which we have added the tag. Your DM decides if those new rituals should or not be added to the list.

 

1st Level

Alarm (Wizard)

Comprehend Languages (Bard, Sorcerer, Warlock, Wizard)

Detect Magic (Bard, Cleric, Druid, Sorcerer, Wizard)

Detect Poison and Disease (Cleric, Druid)

Find Familiar (Wizard)

Identify (Bard, Wizard)

Illusory Script (Bard, Warlock, Wizard)

Purify Food and Drink (Cleric, Druid)

Silent Image (Bard, Sorcerer)*

Speak with Animals (Bard, Druid)

Tenser’s Floating Disk (Wizard)

Unseen Servant (Bard, Warlock, Wizard)

 

2nd Level

Animal Messenger (Bard, Druid)

Augury (Cleric)

Beast Sense (Druid)

Darkness (Sorcerer, Warlock, Wizard)*

Gentle Repose (Cleric, Wizard)

Invisibility (Bard, Sorcerer, Warlock, Wizard)*

Locate Animals or Plants (Bard, Druid)

Magic Mouth (Bard, Wizard)

See Invisibility (Bard, Sorcerer, Wizard)*

Silence (Bard, Cleric)

Skywrite (Bard, Druid, Wizard)

 

3rd Level

Feign Death (Bard, Cleric, Druid, Wizard)

Leomund’s Tiny Hut (Bard, Wizard)

Meld into Stone (Cleric, Druid)

Phantom Steed (Wizard)

Tongues (Bard, Cleric, Sorcerer, Warlock, Wizard)*

Water Breathing (Druid, Sorcerer, Wizard)

Water Walk (Cleric, Druid, Sorcerer)

 

4th Level

Banishment (Cleric, Sorcerer, Warlock, Wizard)*

Divination (Cleric)

Hallucinatory Terrain (Bard, Druid, Warlock, Wizard)*

Locate Creature (Bard, Cleric, Druid, Wizard)*

 

5th Level

Commune (Cleric)

Commune with Nature (Druid)

Contact Other Plane (Warlock, Wizard)

Rary’s Telepathic Bond (Wizard)

Seeming (Bard, Sorcerer, Wizard)*

 

6th Level

Drawmij’s Instant Summons (Wizard)

Find the Path (Bard, Cleric, Druid)*

Forbiddance (Cleric)

True Seeing (Bard, Cleric, Sorcerer, Warlock, Wizard)*

 

7th Level

Plane Shift (Cleric, Druid, Sorcerer, Warlock Wizard)*

Project Image (Bard, Wizard)*

 

Anúncios

Prévia de Músicka RPG – Roger Waters!

A primeira prévia de Músicka, o novo jogo da Tragos Games, é a ficha de personagem de um grande músicko – digo, um grande músico de nossa era: Roger Waters!

img waters

E caso a publicação da prévia no facebook tenha muitas curtidas e/ou compartilhamentos, faremos as fichas dos outros membros do Pink Floyd!

https://www.facebook.com/plugins/post.php?href=https%3A%2F%2Fwww.facebook.com%2Ftragosgames%2Fposts%2F2189013294654613&width=500

O Grande Jogo – Mini-Cenário Multi-Sistema

Este foi um ano de muito estudo e trabalho, o que me impediu de criar para o blog. Mas o ano não vai passar em branco!

Neste post trago um pequeno cenário multi-sistema (podendo ser usado com D&D, Old Dragon e similares e também sistemas genéricos como 3D&T e meu TL-N) chamado O Grande Jogo. Inspirado em MOBAs como LoL e Dota, nele guerreiros imortais se enfrentam em busca do título de Grande Campeão.

É pouco para um ano inteiro, mas tem muita coisa planejada para o ano que vem, incluindo um cenário para um Jogo Desorganizado de Gamma Dragon (certamente um jogo organizado de GD não seria possível) e o desenvolvimento de DragonJammer.

Clique aqui para baixar o .pdf de O Grande Jogo, e aqui para baixar a versão de impressão.

League of Legends para TL-N, parte 1: Jhin e Lâmina Fantasma de Youmuu

Eu venho desenvolvendo um sistema genérico chamado Tractatus Ludico-Narrativus há algum tempo. Ele é dividido em sete proposições, e algumas delas eu já postei aqui (proposição 1, proposição 2 – parte 1, proposição 2 – parte 2, proposição 2 – parte 3, proposição 3, proposição 4). Como a proposição 2 (que trata da criação de personagens) já está pronta, eu resolvi começar a experimentar na adaptação de personagens para o sistema.

Eu escolhi fazer uma adaptação de League of Legends por uma série de razões. Em primeiro lugar, alguns dos personagens são bem interessantes e mecanicamente complexos, o que seria desafiador. Em segundo lugar, eu quero usar esta adaptação para mostrar como personagens e cenários podem ser transpostos de um jogo como um MOBA para um RPG de mesa narrativo, alterando muitas de suas características, mas mantendo seu núcleo conceitual. Em terceiro lugar, estou gostando bastante do jogo (apesar de eu ser bem ruim), e talvez meus amigos que também jogam se animem para jogar RPG.

Há várias formas de se adaptar um MOBA como LoL (ou qualquer outro jogo de combate tático) para RPG. O que se costuma fazer é tentar transpor todos os elementos mecânicos de uma mídia para a outra, emulando o jogo eletrônico numa forma analógica. Eu farei de forma diferente. O objetivo não será emular o jogo em seus mínimos detalhes e transpor uma partida de LoL para a mesa de jogo. Afinal, isso seria tentar substituir o jogo original por uma cópia imperfeita dele.

O objetivo, ao contrário, será criar narrativas no cenário e com os personagens de LoL. Isso passará por uma grande abstração dos elementos mecânicos, praticamente eliminando o aspecto tático, mas também pela tentativa de manter o equilíbrio, a competitividade e o espírito de cada campeão. Assim, ao invés de uma cópia imperfeita do jogo original, tentaremos oferecer uma experiência diferente, focada na narrativa. Uma grande mudança consistirá em que evolução dos Campeões não mais se dará a cada partida, mas ao longo de toda a narrativa, como na maioria dos RPGs.

Neste post falaremos um pouco sobre campeões e itens, e traremos dois exemplos: o meu campeão preferido, Jhin, e um item essencial para ele, a Lâmina Fantasma de Youmuu.

 

Campeões

Todo Campeão será inicialmente um personagem com 10 pontos e nível máximo 5. A estrutura básica será a de um conceito essencial que represente o núcleo do personagem, e quantos conceitos forem necessários para representar suas habilidades (passiva, Q, W, E e R). A habilidade ultimate (R), por ser de uso limitado, terá que ser representada por um conceito contingente, ou por um conceito que esteja disponível numa menor parte do tempo.

Cada conceito essencial ou condicional terá que ser alocado em uma categoria dentre F (Físico) ou M (Mágico). Isto determinará que itens podem aumentar seu dano, e que itens podem proteger contra ele.

 

Jhin

O Virtuoso (3, F): Jhin é um meticuloso psicopata criminoso que acredita que assassinato é arte. Outrora um prisioneiro ioniano, mas libertado por membros obscuros do conselho regimental de Ionia, o assassino serial agora trabalha como assassino de seu conluio. Usando a própria arma como pincel, Jhin cria obras de brutalidade artística, horrorizando vítimas e espectadores. Ele obtém prazer cruel ao fazer suas apresentações nefastas, tornando-o a melhor escolha a se enviar para a mais poderosa das mensagens: terror. (Conceito Essencial de custo inicial 3).

Granada Dançante: Jhin arremessa um cartucho de munição mágica em um alvo, e ele salta quatro vezes nos inimigos próximos. Jhin pode jogar sua munição, atacando mesmo que esteja sem a “Sussurro”, e também pode receber o bônus de “Quarto Tiro”. (Trata-se de um uso do conceito “O Virtuoso”, e não de um conceito por si só).

Audiência Cativa: Jhin posiciona uma armadilha de lótus invisível que floresce ao ser pisada. Ela reduz a velocidade de inimigos próximos antes de causar dano com uma explosão de pétalas serrilhadas. Jhin pode realizar uma prova para tentar atrapalhar um inimigo, e caso tenha sucesso, isso significa que o inimigo pisou em uma armadilha e ficou lento. Ele pode então realizar mais uma prova, para tentar causar dano aos alvos próximos da armadilha. (Trata-se de um uso do conceito “O Virtuoso”, e não de um conceito por si só).

Beleza em Morte: Quando Jhin abate um campeão inimigo, uma armadilha de lótus florescerá próximo a seu cadáver. Logo depois de derrotar um inimigo, Jhin pode fazer uma prova para tentar causar dano a algum alvo próximo. (Trata-se de um uso do conceito “O Virtuoso”, e não de um conceito por si só).

Sussurro (4, F): O canhão de Jhin, Sussurro, é um instrumento preciso criado para causar muito dano. Ele carrega apenas quatro projéteis. Após o quarto tiro, ela deve ser recarregada, ficando indisponível por um turno. (Conceito Condicional de custo inicial 3 e aumento de +1 no nível).

Quarto Tiro (+4): Jhin encanta o projétil final da Sussurro com magia negra. O conceito “Sussurro” recebe um bônus de +4 na quarta prova consecutiva, inclusive quando recebe bônus de “Aclamação”. O conceito “O Virtuoso” também pode receber esse bônus, caso Jhin esteja lançando sua “Granada Dançante”. (Conceito Vantajoso de custo 1).

Florescer Mortal (4, F): Jhin brande sua bengala, fazendo um disparo único com incrível alcance, que pode enraizar um alvo atingido. Jhin pode usar sua bengala como arma mesmo que esteja sem a “Sussurro”. Ao ser bem sucedido em uma prova e causar dano a um alvo, Jhin pode usar este conceito para tentar atrapalhar o alvo, deixando-o enraizado, mas apenas caso o alvo já tenha sofrido um ataque ou um atrapalhar seu no turno anterior. Porém, caso a bengala seja utilizada, ela precisa recarregar sua magia, ficando indisponível por 3 turnos. (Conceito Condicional de custo inicial 2 e aumento de +2 no nível).

Aclamação (+4/+4): Jhin canaliza, transformando a Sussurro em um mega-canhão de ombro. Ela é capaz de fazer até 4 super disparos com extremo alcance. A Sussurro mutila os inimigos atingidos, o que reduz sua velocidade. Ao ser bem sucedido em uma prova e causar dano a um alvo com o auxílio deste conceito, Jhin pode tentar atrapalhar o alvo, deixando-o lento. (Conceito de Recurso de custo inicial 1, que pode ser utilizado apenas com o conceito “Sussurro”).

 

Itens

A abordagem narrativa muda bastante o uso dos itens no jogo. Em primeiro lugar, apenas os itens finais (e talvez alguns itens intermediários importantes) estarão disponíveis. Em segundo lugar, a maioria deles serão relíquias únicas, não podendo haver dois itens iguais em jogo. Apenas alguns poderiam ser replicados, como os itens Hextec e as botas, mas ainda assim seriam raros.

Itens consumíveis também existirão, mas não trataremos deles aqui. Também não falaremos ainda sobre o ouro e as lojas.

 

Lâmina Fantasma de Youmuu

Custo: 3 pontos de personagem (ou 3000 pontos de ouro).

Dano (+3, F): os ataques do portador da lâmina ficam mais poderosos. (Conceito Vantajoso de custo 1).

Velocidade (+4/+4): o portador pode invocar o poder da lâmina para ficar temporariamente mais rápido. (Conceito de Objetivo de custo 1).

Penetração de Armadura (1): os ataques do portador da lâmina ignoram 1 nível de resistência adicional ou 1 nível bônus dado por um item de proteção (Esta habilidade única custa 1 ponto).

 

Gamma Dragon – Ficha de Sobrevivente

Gamma Dragon infelizmente está com um atraso grande (os .pdfs devem ficar prontos muito em breve), mas hoje venho com uma boa notícia: está pronta a ficha de sobrevivente de Gamma Dragon!

Feita pelo grande Diogo Nogueira, a ficha de sobrevivente é toda desenhada e reflete o clima pós-apocalíptico do jogo.

Para baixar a ficha de sobrevivente de Gamma Dragon, clique aqui.

Tome of the Years – a D&D 5e supplement

I recently uploaded my first contribution to Dungeon Masters’ Guild: the Tome of the Years.

tome of the years cover

In the Tome of the Years players and dungeon masters will find rules on aging, rules for young characters, level 0 characters, and other rules concerning the passing of the years.

Click here in order to acquire the Tome of the Years. It is a “pay what you want” product.

After that, tell me what are your thoughts on it, and what you would like to see in another supplement from Tragos Games.

 


 

Eu recentemente disponibilizei minha primeira contribuição para o Dungeon Masters’ Guild: o Tome of the Years (Tomo dos Anos).

Em Tome of the Years jogadores e mestres encontrarão regras sobre envelhecimento, regras para personagens jovens, personagens de nível 0, e outras regras sobre a passagem dos anos.

Clique aqui para adquirir o Tome of the Years. É um produto “pague o quanto quiser”.

Depois disso, me diga o que achou dele, e o que você gostaria de ver em outro suplemento da Tragos Games.