League of Legends para TL-N, parte 1: Jhin e Lâmina Fantasma de Youmuu

Eu venho desenvolvendo um sistema genérico chamado Tractatus Ludico-Narrativus há algum tempo. Ele é dividido em sete proposições, e algumas delas eu já postei aqui (proposição 1, proposição 2 – parte 1, proposição 2 – parte 2, proposição 2 – parte 3, proposição 3, proposição 4). Como a proposição 2 (que trata da criação de personagens) já está pronta, eu resolvi começar a experimentar na adaptação de personagens para o sistema.

Eu escolhi fazer uma adaptação de League of Legends por uma série de razões. Em primeiro lugar, alguns dos personagens são bem interessantes e mecanicamente complexos, o que seria desafiador. Em segundo lugar, eu quero usar esta adaptação para mostrar como personagens e cenários podem ser transpostos de um jogo como um MOBA para um RPG de mesa narrativo, alterando muitas de suas características, mas mantendo seu núcleo conceitual. Em terceiro lugar, estou gostando bastante do jogo (apesar de eu ser bem ruim), e talvez meus amigos que também jogam se animem para jogar RPG.

Há várias formas de se adaptar um MOBA como LoL (ou qualquer outro jogo de combate tático) para RPG. O que se costuma fazer é tentar transpor todos os elementos mecânicos de uma mídia para a outra, emulando o jogo eletrônico numa forma analógica. Eu farei de forma diferente. O objetivo não será emular o jogo em seus mínimos detalhes e transpor uma partida de LoL para a mesa de jogo. Afinal, isso seria tentar substituir o jogo original por uma cópia imperfeita dele.

O objetivo, ao contrário, será criar narrativas no cenário e com os personagens de LoL. Isso passará por uma grande abstração dos elementos mecânicos, praticamente eliminando o aspecto tático, mas também pela tentativa de manter o equilíbrio, a competitividade e o espírito de cada campeão. Assim, ao invés de uma cópia imperfeita do jogo original, tentaremos oferecer uma experiência diferente, focada na narrativa. Uma grande mudança consistirá em que evolução dos Campeões não mais se dará a cada partida, mas ao longo de toda a narrativa, como na maioria dos RPGs.

Neste post falaremos um pouco sobre campeões e itens, e traremos dois exemplos: o meu campeão preferido, Jhin, e um item essencial para ele, a Lâmina Fantasma de Youmuu.

 

Campeões

Todo Campeão será inicialmente um personagem com 10 pontos e nível máximo 5. A estrutura básica será a de um conceito essencial que represente o núcleo do personagem, e quantos conceitos forem necessários para representar suas habilidades (passiva, Q, W, E e R). A habilidade ultimate (R), por ser de uso limitado, terá que ser representada por um conceito contingente, ou por um conceito que esteja disponível numa menor parte do tempo.

Cada conceito essencial ou condicional terá que ser alocado em uma categoria dentre F (Físico) ou M (Mágico). Isto determinará que itens podem aumentar seu dano, e que itens podem proteger contra ele.

 

Jhin

O Virtuoso (3, F): Jhin é um meticuloso psicopata criminoso que acredita que assassinato é arte. Outrora um prisioneiro ioniano, mas libertado por membros obscuros do conselho regimental de Ionia, o assassino serial agora trabalha como assassino de seu conluio. Usando a própria arma como pincel, Jhin cria obras de brutalidade artística, horrorizando vítimas e espectadores. Ele obtém prazer cruel ao fazer suas apresentações nefastas, tornando-o a melhor escolha a se enviar para a mais poderosa das mensagens: terror. (Conceito Essencial de custo inicial 3).

Granada Dançante: Jhin arremessa um cartucho de munição mágica em um alvo, e ele salta quatro vezes nos inimigos próximos. Jhin pode jogar sua munição, atacando mesmo que esteja sem a “Sussurro”, e também pode receber o bônus de “Quarto Tiro”. (Trata-se de um uso do conceito “O Virtuoso”, e não de um conceito por si só).

Audiência Cativa: Jhin posiciona uma armadilha de lótus invisível que floresce ao ser pisada. Ela reduz a velocidade de inimigos próximos antes de causar dano com uma explosão de pétalas serrilhadas. Jhin pode realizar uma prova para tentar atrapalhar um inimigo, e caso tenha sucesso, isso significa que o inimigo pisou em uma armadilha e ficou lento. Ele pode então realizar mais uma prova, para tentar causar dano aos alvos próximos da armadilha. (Trata-se de um uso do conceito “O Virtuoso”, e não de um conceito por si só).

Beleza em Morte: Quando Jhin abate um campeão inimigo, uma armadilha de lótus florescerá próximo a seu cadáver. Logo depois de derrotar um inimigo, Jhin pode fazer uma prova para tentar causar dano a algum alvo próximo. (Trata-se de um uso do conceito “O Virtuoso”, e não de um conceito por si só).

Sussurro (4, F): O canhão de Jhin, Sussurro, é um instrumento preciso criado para causar muito dano. Ele carrega apenas quatro projéteis. Após o quarto tiro, ela deve ser recarregada, ficando indisponível por um turno. (Conceito Condicional de custo inicial 3 e aumento de +1 no nível).

Quarto Tiro (+4): Jhin encanta o projétil final da Sussurro com magia negra. O conceito “Sussurro” recebe um bônus de +4 na quarta prova consecutiva, inclusive quando recebe bônus de “Aclamação”. O conceito “O Virtuoso” também pode receber esse bônus, caso Jhin esteja lançando sua “Granada Dançante”. (Conceito Vantajoso de custo 1).

Florescer Mortal (4, F): Jhin brande sua bengala, fazendo um disparo único com incrível alcance, que pode enraizar um alvo atingido. Jhin pode usar sua bengala como arma mesmo que esteja sem a “Sussurro”. Ao ser bem sucedido em uma prova e causar dano a um alvo, Jhin pode usar este conceito para tentar atrapalhar o alvo, deixando-o enraizado, mas apenas caso o alvo já tenha sofrido um ataque ou um atrapalhar seu no turno anterior. Porém, caso a bengala seja utilizada, ela precisa recarregar sua magia, ficando indisponível por 3 turnos. (Conceito Condicional de custo inicial 2 e aumento de +2 no nível).

Aclamação (+4/+4): Jhin canaliza, transformando a Sussurro em um mega-canhão de ombro. Ela é capaz de fazer até 4 super disparos com extremo alcance. A Sussurro mutila os inimigos atingidos, o que reduz sua velocidade. Ao ser bem sucedido em uma prova e causar dano a um alvo com o auxílio deste conceito, Jhin pode tentar atrapalhar o alvo, deixando-o lento. (Conceito de Recurso de custo inicial 1, que pode ser utilizado apenas com o conceito “Sussurro”).

 

Itens

A abordagem narrativa muda bastante o uso dos itens no jogo. Em primeiro lugar, apenas os itens finais (e talvez alguns itens intermediários importantes) estarão disponíveis. Em segundo lugar, a maioria deles serão relíquias únicas, não podendo haver dois itens iguais em jogo. Apenas alguns poderiam ser replicados, como os itens Hextec e as botas, mas ainda assim seriam raros.

Itens consumíveis também existirão, mas não trataremos deles aqui. Também não falaremos ainda sobre o ouro e as lojas.

 

Lâmina Fantasma de Youmuu

Custo: 3 pontos de personagem (ou 3000 pontos de ouro).

Dano (+3, F): os ataques do portador da lâmina ficam mais poderosos. (Conceito Vantajoso de custo 1).

Velocidade (+4/+4): o portador pode invocar o poder da lâmina para ficar temporariamente mais rápido. (Conceito de Objetivo de custo 1).

Penetração de Armadura (1): os ataques do portador da lâmina ignoram 1 nível de resistência adicional ou 1 nível bônus dado por um item de proteção (Esta habilidade única custa 1 ponto).

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s